Páginas

sexta-feira, 6 de dezembro de 2013

DESEJOS



O brilho da lua
Ilumina a seu corpo sedutor,
De olhos fechados sob
O lençol de seda branca
Sorri discretamente,
No condizer o que está pensando,
Aspira um aconchego caliente,
Do seu lado o contraste
Da cor da lua, o inspirado,
Sou quem te faz envolvente!

O “me sinto completa”
Satisfaz o Teu desejo,
Palavras, um beijo no ombro,
Te faz arrepiar e, a suscitar,
Encosta seu rosto no meu
Querendo em meus braços repousar.

O desejo traz
Reação imediata de tal sentimento,
Mas o lugar e o momento
Impedem, o envolver-se tão voraz,
O toque leve em tuas mãos
Te mostra intensa sedução
Terá o que deveras te satisfaz.
O brilho da lua
Iluminou, o teu rosto, minhas ações,
Sinto o esplendido calor
Dos corpos em ebulição,
Num beijo leve que te leva,
Ao extremo da emoção,
Se deleitando em pensamentos
Preso em tuas macias mãos,
Agora estou por ti sedento,
Palpita o coração,
Te farei viajar ao céu
Sem ao menos sair do chão.

Agora é tudo cinza,
O brilho repentinamente sumiu,
Resta apenas os desejos
Que do teu ser pra mim fluiu,
Os sonhos!? Constantemente,
Querendo-te confortável, vil,
Em momentos excitantes
Ações que em mim condiz
Nu’amor contagiante,
Sentir de ti, o que me fiz.

                                                     Marcelo Lima – Poesias e Poemas 0929102013

segunda-feira, 28 de outubro de 2013

LEMBRANÇAS TUAS (RMV)


As plantas exalam o cheiro
Que nelas impregnastes,
Eu Lembro, eu sinto ao passar,
Tua mão tocando minha mão,
Vejo teus traços a passear,
Excitante, pura sedução,
Em mim você ainda estar.

Circunstâncias alargaram nossos laços,
Os meus passos solitários a vagar,
A tua busca, sem rumo, em desatino,
Noites de intenso sonhar,
Viajo em pensamentos sem destino,
Dum Amor louco a suscitar.

Momentos meu que te pertencem,
Aonde você pode estar
Além daqui dentro de mim?
Sofro querendo o teu olhar
Me desejando, a pedir,
A essência do se Amar,
O suor a nos ungir,
Um momento a concretizar.

As lembranças faz-me arrepiar,
Excitando-se, quero te possuir,
Como o amor que a gente fez,
Musa minha vem outra vez!
Quero deixar as ânsias à ti.

Presenciei teu belo ser
Num instante, um segundo
Ah! Sem palavras pra te conclamar!
Te senti ao desejar,
Contigo vivendo o amor tudo,
Este rosto lindo quis beijar
Ardentemente, envolver-te
Em meus braços, te cortejar
A todo momento,
Nas tuas curvas de prazer delirar.

Te vi, mas vais partir outra vez!
Comigo só as lembranças, os sonhos,
Por que não fica aqui pra sempre?
Além daqui em meu coração,
Vem ouvir o que proponho!
Me sacia com a tua sedução!
Quero um beijo teu minha paixão!
Pra me alimentar, à tua volta,
Querendo viver as aspirações!

                 Marcelo Lima - Poesias e poemas - Lembranças tuas em forma de poesia pra você!

SEXTO SONETO



Quando beijarei teus lábios!?
Quando tocarei teu corpo novamente?
Fazes o meu amor sedento,
Um querer star contigo eternamente.

Quando te direi meu amor,
Bem perto: Eu te amo!
Te afagando com o meu calor,
Sentindo a emoção do teu amo.

Tento apagar a chama destes pensamentos,
É impossível, são teus olhos,
Que estão em meus momentos.

Quando desfrutarei dos seus beijos,
Os quais deixam-me mais apaixonado,
Quando contigo voltarei a dar-te os meus almejos.

                                     Marcelo Lima- poesias e poemas – 1409200818:50